quarta-feira, 16 de maio de 2018

Novo Pneu "AG FRÍSIO" !!!

 Como já comentei na postagem da segunda etapa, estou usando o novo pneu "front runner" da Ag Componentes.

 A primeira vez que vi o pneu, foi no Gol DT-B 52 do parceiro Wagner Gomes Lacerda, o famoso "Wagnão"! Fiquei muito empolgado com a notícia, pois os pneus "drag front" que usamos na traseira dos nossos carros, são todos importados e de marcas como; Hoosier, M/T, Moroso, Phoenix, Goodyear, M/H e outros. E é lógico que os preços são muito "salgados"! Começam aqui no Brasil a partir R$2.500,00 o par, e alguns custam mais de 3mil o par!

 A indústria AG componentes dispensa comentários, fabrica diversos itens como; alavanca engate rápido, banco de alumínio, suportes em geral, barras de tração, bandejão, reservatórios de óleo, macacão, rodas e outras peças. Eu uso a alavanca desde o começo do Passat e ela é perfeita! Sou entusiasta das peças nacionais para a arrancada, pois o custo cai de forma absurda e ainda colaboramos com as industrias e o comércio local. Eu tenho indústria e sei bem como é difícil empreender nesse país e ainda por cima competir com o comércio exterior.
Meu carro tem 95% de peças nacionais, e o resultado está aí!

Alguns exemplos das peças nacionais que uso são;

Pistões e pinos AFP, pressurização/ice by Zorzeto, caixa do ice e tanque de combustível by Teco, comando SamCams, turbina Auto Avionics, bomba combustível Bilet Dinâmica, embreagem Displatô, rodas dianteiras MSR, transmissão Sapinho, banco de alumínio "Depauli", volante Lotse, manômetros Cronomac, alavanca AG, paraquedas SportMachine, cabos de velas PSI, injeção Injepro, garrafa Co2 nacional, suspensão by Fusca, polia e dosador nacional, bobina Bosch nacional, velas NGK nacionais, vávula Macktech, coletor de escape German,  etc, etc, etc!

As peças importadas que uso são; bielas Purê, cinto de segurança Carpo, Roda traseira Douglas, molas de cabeçote Iskenderian, copinho "gringo", tampa do radiador Stant e válvula line-lock B&M.
Desses itens importados, os que mais faltam em termos de qualidade nacional são as molas do cabeçote e os "copinhos" mecânicos do cabeçote, os gringos são muito superiores.
As bielas também são outro item complicado, a maioria são americanas, ou chinesas. Então não da pra falar que é "brazuca", mesmo que tenha um nome nacional estampado nelas.
A questão rodas também peca, falar que minha roda dianteira é de muita qualidade e leve é mentira, muito menos bonita. As rodas "gringas" estão a mil anos luz das nacionais, ganham no peso, qualidade, acabamento e beleza, mas por outro lado tem preços abusivos, rodas que chegam a R$15.000,00 o jogo é brincadeira, lógico que por conta de um dólar a R$3.70 + tributos. Se os preços fossem menores, eu com toda certeza andaria de rodas importadas na frente, mesmo indo contra a idéia de um carro 100% nacional.

Mas provavelmente teremos novidades em termos de "rodas nacionais", pois tem um "cabra" sacudido aí, que está projetando e desenvolvendo as tão sonhadas rodas "drag nacionais", é aguardar para ver.

 A medida dos pneus Frísio são; 24.0x5.0-15. Essa é a única medida disponível, pois atende tanto os tração dianteira, como os tração traseira. O meu antigo pneu era 22.5x4.5-15 (M/T), um pouco mais fino, porém no meu carro os 24 ficaram perfeitas.

O Fernando estava me contando que para chegar no modelo comercial, foram anos de projeto e muitos pneus "sacrificados" em testes. A borracha é especial e é muito reforçada. Para ficar um produto de primeira qualidade, a AG optou por deixar o pneu um pouco mais pesado que os gringos, exatamente 1 kg a mais que um similar importado, deixando de sobra a resistência do pneu.

A minha primeira experiência foi com ele logo no "mata-mata" das finais, virei 6.8s na primeira puxada com os pneus, o carro foi reto que nem uma bala e mesmo sem balanceamento, não teve nenhuma trepidação, ou seja, o produto é top!
 
Olhem o acabamento da bagaça! Ver os escritos em português do lado é muito bacana.

O pneu está no mercado com o valor do (par) a partir de R$1.200,00 reais. Show, parabéns AG!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário